Evento – FUNAG lança “Bioética, governança e neocolonialismo”

A FUNAG publicou o livro “Bioética, governança e neocolonialismo”, tese de autoria do diplomata Alexandre Brasil da Silva aprovada em 2014 pelo Curso de Altos Estudos (CAE) do Instituto Rio Branco.

O livro acompanha o desenvolvimento lógico da bioética na segunda metade do século XX por meio dos principais acontecimentos verificados no campo da governança, chegando às duas Declarações internacionais de especial relevo para o objeto de estudo escolhido – a Declaração das Nações Unidas sobre a Clonagem Humana e a Declaração Universal sobre Bioética e Direitos Humanos da Unesco. Aborda também um tema global controverso da agenda bioética contemporânea: as pesquisas clínicas transnacionais que envolvem sujeitos humanos na sua realização.

O autor parte do histórico da bioética e dos debates contemporâneos sobre o tema, passando pela análise do que denomina de “Governança da Bioética” no Brasil e no âmbito internacional, incluindo o sistema das Nações Unidas.

O livro já está disponível para download gratuito no site da FUNAG.

Seja o primeiro a comentar