Evento – Curso "Conflitos e Resolução de Conflitos no Sistema Internacional"- ULBRA

Entre os dias 4 e 7 de Dezembro, irá decorrer na Universidade Luterana do Brasil (ULBRA – Campo Canoas) um curso de extensão de 16 horas intitulado “Conflitos e Resolução de Conflitos no Sistema Internacional. Este curso é uma organização conjunta do Curso de Ciência Política da ULBRA e do OBSERVARE – Observatório de Relações Exteriores da Universidade Autónoma de Lisboa. Este curso está a cargo de Filipe Vasconcelos Romão, professor do Departamento de Relações Internacionais da Universidade Autónoma de Lisboa.

O curso é estruturado em 4 blocos de 4 horas. Cada bloco é composto por uma parte expositiva teórica e conceptual e por uma parte prática, dedicada à análise e debate de case studies. Porém, em ambas as partes, os alunos são convidados a participar, debater e questionar. Este curso privilegia o dinamismo e pretende evitar esquemas expositivos monótonos

» Objetivos: Este curso pretende aprofundar conhecimentos acerca da conflitualidade política violenta no sistema internacional e da resolução dessa mesma conflitualidade. O seu objectivo principal é dotar os alunos das ferramentas analíticas necessárias para abordar a violência política e os mecanismos de recondução da conflitualidade a meios pacíficos.

» Público-alvo: Alunos de graduação e de pós-graduação, professores, profissionais na área das Relações Internacionais, Ciência Política, Jornalismo, Economia, Administração pública e privada.

» Programa:

Seminário 1 –  Conflitos
Abordagem: Conceitual e analítica

  1. Apresentação do curso.
  2. Conceitos estruturais: conflito, conflito político, conflitualidade, conflitualidade violenta.
  • Conflitos internacionais
  • Tipologia, tendência e distribuição dos conflitos.
  • Enquadramento histórico do sistema internacional: de Vestefália aos nossos dias.
  • Enquadramento do papel da guerra e do conflito nas teorias das Relações Internacionais.
  • O papel das guerras clássicas.
  • Conflitos nacionais:das guerras civis clássicas aos protestos na era das redes sociais

Actividades práticas: Visionamento, análise e debate do documentário Apocalipse – a Segunda Guerra Mundial, National Geographic, episódio 1.

Seminário 2 – Transições na conflitualidade violenta 
Abordagem: Teórica + analítica

  • Teórica:
  1. Guerras clássicas ou “velhas guerras”.
  2. “Novas guerras”.
  3. “Novíssimas guerras”.
  • Analítica
    1. O discurso de justificação da violência
      • Nacionalismo.
      • Religião.
      • Desigualdade social.
    2. As formas de materialização da violência
      • Terrorismo
      • Terrorismo de Estado
      • Guerrilha
      • Violência urbana

Atividades práticas: Visionamento, análise e debate do documentário BBC, episódio Bósnia. Questão em debate: pode a conceitualização em torno das “novas guerras” ser aplicada à criminalidade violenta no Rio de Janeiro? Base: texto “Novíssimas Guerras, Novíssimas Pazes”.

Seminário 3 – Conflitualidade econômica
Abordagem: Conceitual + Teórica + Analítica

  • Conceitual:
    1. Globalização
    2. Poder económico e poder político
    3. Integração regional e inter-regional
    4. Sanções económicas
  • Teórica:
    1. A interdependência complexa.
    2. Softpower
    3. Smartpower
  • Analítica:
    1. O peso do factor econômico nos conflitos contemporâneos.
    2. Os conflitos energéticos – do petróleo às energias renováveis.
    3. As guerras da água.
    4. O “Consenso de Washington” como globalização forçada
    5. A integração económica regional como factor de amortização da conflitualidade.

Actividades práticas: Visionamento parcial, análise e debate do filme “Argentina, memoria de un saqueo”.

Seminário 4 –  Mecanismos de resolução de conflitos
Abordagem: Analítica

  • Analítica
    1. Os mecanismos internacionais de resolução de conflitos.
    2. Os sistemas democráticos parlamentares como mecanismo de canalização dos conflitos para vias institucionais.
    3. As Nações Unidas.
    4. As organizações internacionais regionais.
    5. Mecanismos de peacebuilding.
    6. Processos de negociação e mediação

Actividades práticas: Questão em debate: Existem mecanismos internacionais efectivos de dissuasão da conflitualidade violenta?

Informações adicionais podem ser obtidas aqui.